BBB, o ápice da futilidade global

by 07:28 0 comentários


A Globo vive de fabricar novelas, um amontoado de scripts boçais, fedendo a mesmice e tumba faraônica. Não há nada que se possa tirar de bom de suas noveladas e churumelas vendidas como algo novo. Remendo "novo" em calça velha.

O que me parece bizarro e insano na Globo, é que, seus atores frequentam: Altas horas, Faustão, Fátima, Ana, Vídeo Show e Vale a pena ver de novos da vida, Esdrúxulo e patético é ver atores e atrizes que protagonizam novelas da parte da noite, também a protagonizar a famigerada, "Vale a pena  ver de novo". Uma overdose potente no melhor estilo, picada de cobra Naja, na cabeça dos brasileiros. E muitos acham, perfeitamente "normal".
A tv Globo é a única que se apossa de uma  concessão do estado, versos povo, para  mascarar, imiscuir e truncar realidades. Não tem a mínima intenção de criar uma nova percepção na cabeça do brasileiro. Uma nova visão sobre os fatos. Viola regras básicas no tocante ao seu papel como empresa que possui ou tem uma concessão de canal de tv. E entre quase 10 canais que está sob seu domínio, apenas o Futura tem algo mais ou menos aproveitável. A Globo não vê "lucro" em pelo menos ter em sua grade de programação, algo que trate às pessoas como seres pensantes, que raciocinam e tem massa cinzenta.

Seu ápice de inutilidade e babaquice tem seu pico no BBB. Um amontoado de seres sofrivelmente estereotipados, jogando conversa fora, vomitando idiotices apoteóticas. Não há nada de novo no BBB. Suas gírias são velhas e manjadas do tipo: "qual é veio?", "..é..tipo assim.." Um desfile de bundas e músculos ensandecidos, um mar de gente querendo ficar rico da noite para o dia, dando para quem os assiste, um porta avião de abobrinhas e palavras fúteis, tão   velhas quanto seus brincos, tatuagens e bundas siliconadas em closed. 
O que há de novo no BBB ? Nada !  Além dos milhões e milhões que a Globo fatura em nome da futilidade. Aquele velho pileque que eles tomam volteados pela logomarca dos patrocinadores, rebolados patéticos e toda bundalização reinante, é de dar dor de barriga em cavalo de pau. Futricas alimentadas à exaustão, trabalhadas na mesa de edição, é medíocre demais para ser verdade.
Os closeds dados na cara de quem fica macaqueando nas piscinas e afins... Me custa acreditar que tenha atrativo minimamente aceitável. Vivemos num mar insano de futilidade cotidiana tão psicologicamente injetada, que muitos conseguem ver felicidade e bem estar num bando de gente que confunde  fama, com sucesso. 

E qual é a opinião de vocês ? Comentem aí...



Os Batutas

Developer

Entretenimento com doses de opinião e seriedade.