Apelou perdeu... Lei de Godwin - Brigas na Internet

by 08:10 0 comentários

Em tempos de Coxinhas vs PTralhas, falamos da Lei de Godwin e os argumentos que apelam para o nazismo.




Comentado no vídeo:


Segue a baixo a lista das 47 Regras da internet ( ou uma delas, já que sofrem variações ).

Regra 1: Você não fala sobre as regras...
Regra 2: Você não fala sobre as regras...

Fazendo uma clara alusão ao filme “Clube da Luta”, as duas primeiras regras da internet dizem para você nunca falar sobre /b/, o mais popular e notório tópico do 4chan, que trata de assuntos altamente randômicos.


Regra 3: Todos nós somos Anonymous.
Regra 4: Anonymous é uma Legião.
Regra 5: Anonymous nunca perdoa.
Regra 6: Anonymous podem ser monstros horríveis, insensíveis e que não se importam com nada

Como foram originalmente escritas pelo grupo Anonymous, é evidente que eles iam aparecer em alguma das regras. A regra 6, diz respeito também a regra de número 3, afinal, se todos somos Anonymous, é óbvio que alguns não prestam.

Regra 7: Nada é sagrado.
Regra 8: Não há regras bem definidas para postagens.
Regra 9: Tampouco há regras bem definidas de moderação.

Essas outras três regras, praticamente deixam claro que não existem limites morais para o conteúdo na internet. O que é sagrado para você, pode não ser sagrado para mim, e assim por diante. Mas, do mesmo jeito que não existe limites que controlem oque você vai postar, também não existem limites de moderação (censura) para as consequências.

Regra 10: Quanto mais linda e pura alguma coisa é, maior será satisfação de corrompê-la.
Regra 11: Todos os seus argumentos cuidadosamente selecionados podem ser facilmente ignorados e copiados.
Regra 12: Tudo o que você disser pode e será usado contra você no comentário abaixo.
Regra 13: Qualquer coisa que você disser pode ser modificada ou consertada.

A continuação das “regras” diz respeito a discussões na internet, e o quanto as mesmas são inúteis, uma vez que seus argumentos possam ser distorcidos, alterados, ignorados ou mal aceitos em qualquer momento, ainda que isso não faça sentido algum.

Regra 14: Não brigue com trolls, eles sempre vencem.
Regra 15: Quanto mais você tentar, maior o fracasso.
Regra 16: Se fracassar em proporções épicas, pode se tornar até um fracasso vitorioso.
Regra 17: Todo WIN eventualmente vira um FAIL e vice-versa.

As regras 14, 15, 16 e 17 são bastante claras quanto ao fracasso, e o quanto você pode fracassar na internet de qualquer maneira. O mais legal disso tudo é que a regra 16 propriamente dita, ainda te dá uma ponta de esperanças, dizendo que muitas vezes você pode fracassar tanto, que isso te torna famoso na internet e passa a ser legal.

Regra 18: Tudo o que pode ser rotulado pode ser odiado.
Regra 19: Quanto mais você odeia algo, mais forte esse algo se torna.
Regra 20: Nada é para ser levado a sério.

Já os três tópicos acima caracterizam os haters ( odiadores ). Tudo na internet pode ser amado ou odiado, e amado e odiado ao mesmo tempo também. Não interessa o quão maravilhosa seja alguma coisa, sempre existirão pessoas que vão odiar, e você deve conviver com isso (sem levar a sério, claro).

Regra 21: O original é original por apenas alguns segundos antes de se tornar velho.
Regra 22: Copiar-colar existe para aniquilar cada pedacinho de criatividade.
Regra 23: Copiar-colar existe para aniquilar cada pedacinho de criatividade.
Regra 24: Todo repost é sempre um repost de um repost.
Regra 25: A relação com o tópico original diminui a cada post.
Regra 26: Qualquer tópico pode facilmente se tornar algo completamente diferente.

Essas regras se complementam com uma outra regra não escrita da vida, que diz que “nada se cria, tudo se copia”. Em geral, nenhuma ideia nunca surgiu, e todo novo post é apenas uma junção de inúmeros outros, ou uma repostagem do mesmo.

Regra 27: Sempre questione a orientação sexual de uma pessoa sem um motivo real.
Regra 28: Sempre questione o sexo de uma pessoa – ainda que sempre seja um homem.
Regra 29: Não existem mulheres nem crianças na internet. Elas são homens gordos disfarçados, e as crianças são agentes do FBI prontos para pegar um pedófilo desavisado.

É exatamente oque você leu, sem mais.

Regra 30: TITS or GTFO: a escolha é sua.
Regra 31: Você deve ter fotos para provar suas afirmações.

A regra 30 é uma das mais conhecidas da internet, e usa argumentos anteriores para se firmar. Se só existem homens na internet, e você se diz uma mulher, ou você deverá provar com uma foto dos seus peitos, ou todos continuarão achando que você é homem. Daí o termo “TITS” (peitos) ou “GTFO”(cai fora). Uma regra semelhante a essa é a de número 31, que diz que tudo que você disser na internet, você deve provar com fotos.

Regra 32: Tudo já foi crackeado e pirateado. Sem exceções.

Em outras palavras, tudo que existe de forma “paga” na internet, também pode ser encontrado gratuitamente em outro endereço. The Pirate Bay está aí e não nos deixa mentir.

Regra 33: Você será banido, mesmo sem ter um cadastro.

Não interessa se você é cadastrado ou não em um site, você poderá ser banido dele sem aviso prévio, sem motivos e sem querer também.

Regra 34: Se uma coisa existir, há uma versão pornográfica dela. Sem exceções.
Regra 35: Se não for possível encontrar pornografia de algo, será feito. Sem exceções.
Regra 36: Não importa o que seja, sempre será o fetiche de alguém. Sem exceções.

Na regra 34 há quem diga que essa regra pode ser aplicada não só na internet, mas em qualquer âmbito onde haja a presença de vida inteligente.

Regra 37: Tudo faz sentido na internet, de algum jeito, de algum modo dentro de algum contexto, mesmo que o contexto não faça sentido.
Regra 38: Sempre haverá uma versão feminina de um personagem masculino, e uma versão masculina de um personagem feminino.
Regra 39: É um bolo delicioso. Você deve comê-lo.
Regra 40: É uma cilada deliciosa. Você deve comê-la.

Depois da regra 35, as coisas começam a ficar bastante nosense. Não que isso não faça sentido mesmo, afinal, tudo faz sentido na internet de algum jeito ou de algum modo dentro de algum contexto. Mas eventualmente sua cabeça pode explodir ao tentar entender essas regras.

Regra 41: Você não pode dividir por zero
Regra 42: O pinto entra aqui.
Regra 43: Eles vão trazer Snacks de volta antes de Jesus.
Regra 44: Você nunca fará sexo. Mesmo que você ache que já tenha feito.
Regra 46: PROFIT!!!

Como eu disse, as coisas ficam críticas depois da regra 35. Basicamente, nossas normas de conduta estão dizendo agora que você não poderá dividir nada por zero, porque a calculadora não permite. Você também deverá inserir o seu órgão genital apenas em lugares específicos. Os salgadinhos Snacks vão voltar antes de Jesus Cristo. Você não terá nenhuma relação sexual na sua vida, porque isso não existe (sites pornôs são animações gráficas), e se você acha que já fez sexo, tudo não passou de uma miragem. A regra 45 não existe, e nunca deve ser mencionada (ops!). E é claro, PROFIT!!! (seja lá oque isso signifique).

Regra 47: Sempre haverá algo ainda mais grotesco do que você já viu.

A última, mas não menos importante regra da internet, diz que não importa o quão bizarro / assustador / engraçado / constrangedor / sério / burro / incrível seja algo que você já tenha visto na internet, você sempre encontrará alguma coisa muito mais ( bizarro / assustador / engraçado / constrangedor / sério / burro / incrível ) que isso no futuro.

É isso aí pessoal. O que acharam ? Comentem aí... Valeu.



Os Batutas

Developer

Entretenimento com doses de opinião e seriedade.